Brasil

27/11/2018Bolsonaro diz que ministro da Educação atende a princípios dos evangélicos

Presidente eleito Jair Bolsonaro ao lado do filósofo e professor Ricardo Vélez Rodríguez, escolhido ministro da Educação. (Foto: Divulgação)
 
O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que a indicação do futuro ministro da Educação, o colombiano Ricardo Vélez Rodríguez, atende aos princípios e valores dos evangélicos.
 
“Essa pessoa indicada, pelo que eu sei, não é evangélica, mas atende aquilo que a bancada evangélica defende. São os princípios, valores familiares, respeito às crianças”, disse Bolsonaro neste sábado (24) após uma solenidade militar no Rio de Janeiro.
 
Eleito com apoio de deputados evangélicos, Bolsonaro declarou que reconhece o valor da frente, que reúne cerca de 200 políticos. Ele também rebateu as críticas a Rodríguez, que é filósofo, teólogo e opositor da “ideologia marxista”.
 
“Não vou perguntar para Cuba nem para Venezuela. Por isso que estou indicando essa pessoa”, afirmou o presidente eleito. “O que todos nós queremos? Que os nossos filhos sejam melhores do que nós. Escola é lugar de você aprender uma profissão e também ter noçôes de cidadania e patriotismo”.
 
“Se [ensino] plural é ensinar sexo para criancinha em sala de aula, meus parabéns ao meu futuro ministro”, acrescentou Bolsonaro.
 
Ricardo Vélez Rodríguez foi anunciado como ministro da Educação na última quinta-feira (22), em uma postagem feita por Bolsonaro no Twitter.
 
Rodríguez é professor associado aposentado da UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora), formado em filosofia pela Universidade Pontifícia Javeriana e em teologia pelo Seminário Conciliar de Bogotá, ambos na Colômbia. Ele é mestre em filosofia pela PUC-RJ (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) e doutor, também em filosofia, pela Universidade Gama Filho.
 
O colombiano é conhecido por seus posicionamentos conservadores e crítico da “ideologia marxista” que, segundo ele, tem entre suas “invençôes deletérias” a educação de gênero.  Ele também defende o projeto de lei conhecido como Escola sem Partido, que foi classificado por ele, em seu blog, como uma “providência fundamental”.
 
COM INFORMAÇÕES DO UOL

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
Witzel quer firmar acordo com Israel para treinar...
img
Brasil dá apoio histórico a Israel na ONU, sob...
img
Igrejas são convidadas a influenciar sociedade no...
img
Bolsonaro diz que ministro da Educação atende a...
img
“Quando autoridades honestas governam, o povo se...
img
“A gente fará aliança até com o Diabo” , diz...
img
Paulo Guedes não pretende taxar igrejas...
img
Bolsonaro sinaliza mudanças na Educação com apoio...
img
Exposição de arte no Rio sugere que militantes...
img
“Dialeto secreto de gays e travestis” é abordado...
img
Professora é afastada após ensinar crianças com...
img
Sérgio Moro irá comandar o Ministério da Justiça...
img
“Não sou o mais capacitado, mas Deus capacita os...
img
Jair Bolsonaro é eleito presidente do Brasil no...
img
Haddad não é claro sobre aborto e ideologia de...
img
Bolsonaro quer aproximação com Israel e romper...
img
Com apoio do Governo Federal, congresso de...
img
Novo Congresso será o mais conservador de todos...
img
Pastor sofre atentado a bala e suspeita de...
img
A ideologia do Partido dos Trabalhadores é...
img
A mídia não aceita o “fenômeno” Bolsonaro porque...
img
Haddad, Ciro e Boulos assinam compromisso com a...
img
STF libera material didático sobre ideologia de...
img
Brasil, o país mais letal para defensores da...
img
Maior problema ambiental brasileiro é a...
img
Brasil pôe metas do clima em risco, diz...
img
Governança ambiental brasileira é retrocesso...
img
Lixo químico pôe em risco o abastecimento de 12...
img
Sul-coreanos criam oásis de alimentos orgânicos...
img
Meio Ambiente debate proibição de zoológicos e...
Page 1 of 7
Mais Notícias...