Mundo

10/12/2018ONU se recusa a condenar Hamas por ataques contra Israel

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, se tornou uma grande defensora de Israel. (Foto: Drew Angerer/Getty Images)
 
Pela primeira vez, a maioria dos países-membros da ONU votou pela condenação do Hamas, mas sob os procedimentos da Assembleia Geral, a medida não foi oficialmente aprovada.
 
Foram 87 votos a favor, 57 contra e 33 abstençôes para condenar nesta quinta-feira (6) a facção palestina dedicada à destruição de Israel. Mas em uma votação que aconteceu momentos antes, a Assembleia decidiu que a resolução do Hamas precisaria de dois terços das naçôes presentes para ser aprovada, e os resultados da votação não conseguiram superar o nível exigido.
 
A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, cuja defesa de Israel se tornou sua bandeira, pressionou os países europeus e outros a se unirem a Washington para condenar o Hamas por disparar foguetes contra Israel e “incitar a violência”, colocando civis em risco. Depois de anunciar saída do cargo, ela tem apenas algumas semanas em seu mandato como embaixadora.
 
“Eu quero ter um momento pessoal e perguntar aos meus irmãos e irmãs árabes: o ódio é tão forte?”, ela questionou da tribuna da Assembleia antes da votação. “O ódio contra Israel é tão forte que vocês defenderão uma organização terrorista, que está diretamente causando danos ao povo palestino? Não é hora de deixar isso de lado? Pela verdadeira paz e segurança em toda a região, não é hora de ambos os lados deixarem isso de lado?”
 
Em um comunicado, o Hamas agradeceu aos países que votaram contra a medida e pediu que “todos os Estados que apoiaram a ocupação israelense e a administração Trump reconsiderem sua posição e retifiquem sua culpa grande e histórica contra o povo palestino”.
 
O Hamas disse que a falha em aprovar a resolução foi “um sério fracasso da ‘política de intimidação’ do governo Trump adotada na região”.
 
O representante palestino da ONU, Riyad Mansour, criticou as políticas “punitivas” dos EUA dirigidas aos palestinos, como a mudança da embaixada americana para Jerusalém. Ele disse que todas as resoluçôes apresentadas pelos palestinos buscam equilíbrio e agradeceu aos países que não condenaram o Hamas.
 
ONU x Israel
 
Após a votação, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, aplaudiu a “maioria esmagadora” dos países que votaram pelo projeto de condenação. “Embora não tenha alcançado uma maioria de dois terços, esta é a primeira vez que a maioria dos países votou contra o Hamas e eu elogio cada um dos 87 países que adotaram uma posição de princípio contra o Hamas”, disse ele.
 
Segundo dados apresentados por Haley, em cerca de um ano, a Assembleia Geral da ONU aprova resoluçôes em oposição à Israel pelo menos vinte vezes. Ela questionou se as Naçôes Unidas, como uma organização dedicada à paz mundial, considera o terrorismo aceitável, somente se for dirigido a Israel.
 
Haley ainda criticou o uso de uma maioria de dois terços para a aprovação da resolução do Hamas. Ela acusou a Assembleia de ter um padrão duplo, por usar uma maioria simples para outras resoluçôes. “Esta é uma decisão que significa puramente interromper a adoção da resolução proposta pelos EUA”, afirmou Haley.
 
COM INFORMAÇÕES DA CNN

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
Enxames de gafanhotos de proporçôes bíblicas...
img
Arqueólogos descobrem templo cananeu em cidade...
img
“Elevamos nossas vozes em oração e nossa visão...
img
Pastor de Wuhan diz que surto de coronavírus é...
img
proíbem cantores de falarem sobre...
img
Extremistas incendeiam igreja, casa de pastor e...
img
Antissemitismo pode eliminar judeus da Europa até...
img
Trump será o 1° presidente americano a participar...
img
Tensôes no Irã e desastres naturais podem cumprir...
img
Homem que cultuava ‘deus do diabo’ no Vietnã se...
img
“Olhando para a Bíblia, sabemos que o Irã terá...
img
Noiva cristã é decapitada por terroristas do Boko...
img
Menina cristã é sequestrada e convertida à força...
img
Morte de comandante do Irã e conflito com os EUA...
img
Pastor do Tajiquistão é libertado da cadeia após...
img
Pastor e família são agredidos após homens...
img
Igreja é incendiada por multidão após Bíblias...
img
Prefeita é criticada por pedir remoção de enfeite...
img
Feministas queimam livro cristão em feira...
img
Juíza cristã é denunciada por se recusar a fazer...
img
Igreja exibe pintura que substitui Adão e Eva por...
img
China monitora celulares e bloqueia termos como...
img
Candidato à presidência dos EUA doou quase US$14...
img
Garoto que sobreviveu a queda de 12 metros volta...
img
Cristãos denunciam série de incêndios em igrejas...
img
Mais de 40 líderes cristãos recebem ameaças por...
img
Trump faz reconhecimento histórico de...
img
Êxodo de cristãos do Oriente Médio seria uma...
img
Estátua do ídolo Moloque é exibida na entrada do...
img
Atriz de ‘Pantera Negra’ critica mídia por tirar...
Page 1 of 16
Mais Notícias...