Brasil

22/05/2019STF retoma julgamento sobre criminalização da homofobia esta semana

O Supremo Tribunal Federal (STF) realiza sessão solene de abertura do Ano Judiciário de 2019. (Foto: José Cruz/Agência Brasil)
 
O julgamento da criminalização da homofobia será retomado nesta quinta-feira (23) no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF). Quatro dos onze ministros já se posicionaram a favor da criminalização, em fevereiro, quando a discussão foi suspensa.
 
A discussão prevê o enquadramento da homofobia, que é caracterizada por condutas de preconceito contra o público LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, transexuais), como crime de racismo. 
 
A Ação a Direta de Inconstitucionalidade por Omissão (ADO) nº 26 e o Mandado de Injunção nº 4.733 foram protocolados pelo PPS e pela Associação Brasileiras de Gays, Lésbicas e Transgêneros (ABGLT), tendo como relatores os ministros Celso de Mello e Edson Fachin.
 
As entidades defendem que a comunidade LGBT deve ser incluída no conceito de “raça social”, e os agressores, punidos na forma do crime de racismo, cuja conduta é inafiançável e imprescritível. A pena varia entre um a cinco anos de reclusão, de acordo com a conduta.
 
No dia 13 de fevereiro, primeiro dia de julgamento, o representante da Associação Nacional de Juristas Evangélicos (Anajure), Luigi Mateus Braga, defendeu que a palavra final sobre o caso deve ser do Congresso, já que a tipificação de crimes cabe ao Poder Legislativo.
 
Ele ainda destacou que a comunidade LGBT deve ter seus direitos protegidos, mas é preciso assegurar que a liberdade religiosa não seja ameaçada por expor seu posicionamento, caso seja contrário ą homossexualidade.
 
Até o momento, Celso de Mello, Edson Fachin, Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso votaram a favor da criminalização da homofobia pelo Judiciário, na forma do crime de racismo. Ainda devem votar os ministros Luiz Fux, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio e Dias Toffoli.
 
 COM INFORMAÇÕES DO G1 E AGÊNCIA BRASIL

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
“Temos uma bandeira e meia: Brasil e Israel”, diz...
img
Evangélica clama a Deus e escapa de estupro em...
img
Grupo terrorista no Brasil revela plano para...
img
“Não sei se sou terrivelmente evangélico, mas sou...
img
“Se o STF é igualitário, por que não ter ministro...
img
Em culto, Bolsonaro diz que vai indicar ministro...
img
Governo Bolsonaro denuncia perseguição contra...
img
Evangélicos voltam a cobrar Itamaraty sobre...
img
Bolsonaro cogita um ministro do STF ‘evangélico’...
img
Tá na hora de...
img
Fábio Porchat diz que 'é maluquice acreditar na...
img
STF retoma julgamento sobre criminalização da...
img
Evangélicos montam acampamento em ponte e evitam...
img
Decisão do STF impede psicólogos de atenderem...
img
Confederação Israelita do Brasil irá processar...
img
Israel doa ao Brasil máquinas que produzem água...
img
Líderes evangélicos divergem sobre posse de armas...
img
Governo de Bolsonaro pode restringir venda de...
img
Witzel quer firmar acordo com Israel para treinar...
img
Brasil dá apoio histórico a Israel na ONU, sob...
img
Igrejas são convidadas a influenciar sociedade no...
img
Bolsonaro diz que ministro da Educação atende a...
img
“Quando autoridades honestas governam, o povo se...
img
“A gente fará aliança até com o Diabo” , diz...
img
Paulo Guedes não pretende taxar igrejas...
img
Bolsonaro sinaliza mudanças na Educação com apoio...
img
Exposição de arte no Rio sugere que militantes...
img
“Dialeto secreto de gays e travestis” é abordado...
img
Professora é afastada após ensinar crianças com...
img
Sérgio Moro irá comandar o Ministério da Justiça...
Page 1 of 8
Mais Notícias...