Domingo, 05 Julho 2020

Mundo

06/03/2020Vladimir Putin, cujo governo persegue cristãos, coloca Deus na Constituição da Rússia

 
Vladimir Putin, presidente da Rússia. (Foto: Reprodução/Global News)
 
Vladimir Putin apresentou uma série de emendas propostas ŕ Constituição russa que incluem uma menção a Deus e descrevem o casamento como uma união heterossexual.
 
O presidente propôs emendar a Constituição no discurso de janeiro sobre o estado da nação, dizendo que era necessário ampliar os poderes do parlamento e reforçar a democracia.
 
A atitude de Putin, que parece estar alinhada posiçôes cristãs, é vista como hipócrita, já que sob sua política os grupos cristãos sofrem grande perseguição.
 
Segundo a Portas Abertas, em todo o país, igrejas não registradas ativas no evangelismo podem enfrentar obstruçôes na forma de vigilância e interrogatório pelas autoridades locais.
 
O grupo diz ainda que grande parte da pressão sobre os cristãos na Rússia vem do governo que impôe legislação restritiva.
 
Desde a implementação das leis antiterroristas de Yarovaya, o nível de vigilância de todas as igrejas cristãs não-ortodoxas aumentou. Como resultado, a atividade cristã está frequentemente sob vigilância do estado, e os serviços da igreja são ŕs vezes invadidos por forças de segurança.
 
Os cristãos convertidos nas regiôes muçulmanas radicalizadas do Cáucaso enfrentam imensa pressão da família, amigos e comunidade local para renunciar ŕ sua fé. Por medo, eles geralmente nem tentam ir ŕs reuniôes da igreja. Alguns foram forçados a fugir ou encontrar refúgio em casas seguras.
 
Jogada política
 
Os opositores de Putin descreveram as propostas como parte de seus esforços para permanecer no comando depois que seu mandato de seis anos termina em 2024.
 
O parlamento controlado pelo Kremlin rapidamente endossou seu rascunho na primeira das três leituras obrigatórias no mês passado e deve aprová-lo na próxima semana, preparando o terreno para uma votação nacional em 22 de abril.
 
Na sequência das propostas de um grupo de trabalho do Kremlin que trabalhou em paralelo com os legisladores, Putin apresentou na segunda-feira 24 páginas de emendas adicionais para a segunda leitura prevista para 10 de março.
 
Os legisladores dizem que incluem um artigo que aponta para uma história russa de um milênio e promete homenagem aos "antepassados ​​que nos legaram seus ideais e uma crença em Deus".
 
A emenda segue uma proposta da Igreja Ortodoxa Russa de acrescentar uma referência a Deus na constituição.
 
Emenda sobre o casamento
 
Outra emenda descreve o casamento como uma "união de um homem e uma mulher", uma frase em sincronia com a oposição há muito declarada de Putin ao casamento entre pessoas do mesmo sexo.
 
Ele também respondeu ŕ sugestão de um membro do grupo de trabalho de acrescentar uma redação que impediria qualquer futuro governante russo de ceder a Crimeia - anexada da Ucrânia em 2014 - ou qualquer outro território.
 
Ele acrescentou uma emenda que proíbe a renúncia a qualquer parte do território russo e os fora da lei fazendo pedidos por isso.
 
Outra proposta destaca um status especial dos russos como um grupo étnico "formador de estado", ao mesmo tempo em que promete proteger os outros grupos étnicos do país.
 
Após propostas de proibir a depreciação do papel soviético na Segunda Guerra Mundial, Putin acrescentou um artigo prometendo proteger a "verdade histórica" ​​e proibir "menosprezar a heroica proteção do povo ŕ Pátria".
 
A emenda vem quando a Rússia se prepara para comemorar o 75º aniversário da vitória na guerra - o feriado mais importante do país.
 
O novo conjunto de emendas não oferece nenhuma pista sobre qual posição Putin pode seguir para continuar dando as ordens depois que seu mandato terminar.
 
Putin, de 67 anos está no poder há mais de 20 anos, fazendo dele o líder mais antigo do país desde o ditador soviético Josef Stalin.
 
COM INFORMAÇÕES DO PREMIER E PORTAS ABERTAS

Indique esta página

FACEBOOK



Romanos 12:16
"Sede unÃ˘nimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos;"

Newsletter

Assine a nossa newsletter. Não perca nenhuma notícia ou história.

Nós não fazemos spam!

Search